Área do cabeçalho
Área do menu

Sobre o Teletrabalho

 

O teletrabalho, na realidade, é uma das modalidades de trabalho estabelecidas pelo Decreto nº 11.072/2022 do Ministério da Economia, que estabelece os procedimentos para a implementação do Programa de Gestão e Desempenho (PGD) da Administração Pública Federal.

O PGD é um instrumento de gestão que disciplina o desenvolvimento e a mensuração das atividades realizadas pelos seus participantes, com foco na entrega por resultados e na qualidade dos serviços prestados à sociedade.

imagem que resume o que é dito no texto sobre o que é o programa, o público que pode participar; o que vai impactar; como será feito; e o que é preciso.
 

Em linhas gerais, a iniciativa propõe a utilização de uma ferramenta de gestão em que se possibilite a mensuração efetiva do trabalho realizado pelos servidores que participarem do programa, substituindo o controle de frequência (o famoso “ponto”) por uma gestão de pessoas baseada em resultados.

Na UFC:

O Programa de Gestão e Desempenho foi instituído na UFC por meio da Portaria 209, de 29 de junho de 2022, e está voltado para servidores técnico-administrativos (estáveis ou em estágio probatório), inclusive os que ocupam cargos em comissão, que trabalham tanto em unidades acadêmicas, como administrativas.

Ele abrange as modalidades teletrabalho e presencial. A modalidade teletrabalho poderá ser adotada em regime de execução integral (completamente remota e com dispensa total de controle de frequência) ou em regime de execução parcial (com um cronograma específico e dispensa de controle de frequência exclusivamente nos dias em que as atividades sejam executadas remotamente).

Para a sua implementação, será utilizado um sistema informatizado (disponibilizado pelo Ministério da Economia) onde as unidades participantes no programa poderão acompanhar diariamente a execução das atividades estabelecidas previamente e visualizar as entregas alcançadas.

A Comissão Permanente de Avaliação e Acompanhamento do Programa de Gestão e Desempenho, designada por meio da Portaria nº 210/2022, deverá emitir, posteriormente, orientações em formato de manual à comunidade universitária detalhando todos os procedimentos para a implantação do programa nas unidades.

Enquanto o teletrabalho não inicia na sua unidade, você pode começar a se preparar para essa nova forma de organização de trabalho aqui.

Veja também: